Memória, identidade e patrimônio arqueológico: um estudo sobre as lembranças dos velhos da Vila do Catimbau, Buíque-PE

Autores

  • Sabrina Alves Mello Universidade Federal de Pernambuco
  • Viviane Maria Cavalcanti de Castro Universidade Federal de Pernambuco

DOI:

https://doi.org/10.20396/rap.v10i3.8640928

Palavras-chave:

Memória. Velhos. Patrimônio Arqueológico

Resumo

A vila do Catimbau está localizada no município de Buíque, microrregião do Vale do Ipanema, Pernambuco, Brasil. Parte do território deste município integra o Parque Nacional do Catimbau (PNC), criado em 2002, por abrigar características biológicas, geológicas e, principalmente, arqueológicas singulares. Este artigo apresenta o estudo realizado com os moradores mais velhos da vila do Catimbau e sua relação com o patrimônio arqueológico do PNC. Por meio da história oral pretendeu-se compreender como os idosos se relacionam com os sítios arqueológicos. Os resultados indicam que não existe uma relação identitária com o patrimônio arqueológico, mas com eventos cotidianos e relacionados com as atividades de trabalho que conduziam esses moradores aos espaços dos sítios arqueológicos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Sabrina Alves Mello, Universidade Federal de Pernambuco

Bacharelado em Arqueologia

Viviane Maria Cavalcanti de Castro, Universidade Federal de Pernambuco

Departamento de Arqueologia. Coordenadora do curso de Bacharelado em Arqueologia

Referências

AMARAL, Marília. Os sítios rupestres em Buíque, Venturosa e Pedra (PE) no contexto da geopaisagem. 2007. 187f. Dissertação (Mestrado em Arqueologia) - Programa de Pós-graduação em Arqueologia - Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2007.

BARBOSA, Ricardo. As pinturas rupestres da área arqueológica do Vale do Catimbau – Buíque, Pernambuco: Estudo das Fronteiras gráficas de passagem. 2007. 206f. Dissertação (Mestrado em Arqueologia) - Programa de Pós-Graduação em Arqueologia - Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2007.

BARDIN, Laurence. Análise de conteúdo. 4 ed. Lisboa: Edições 70, 2006.

BOADO, Felipe Criado. Construcción social del espacio y reconstrucción arqueológica del paisaje. In: Boletín de Antropología Americana, n.24, p.5-29, 1991.

BOSI, Ecléa. Memória e sociedade, lembranças dos velhos. 3 ed. São Paulo: Companhia das letras, 1994.

BUSTAMANTE, Ana Maria. Memória e Identidade Local em Icapuí, Ceará. 2005. 287f. Tese (Doutorado em Psicossociologia de Comunidades e Ecologia Social) - Instituto de Psicologia - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2005.

CASTRO, Viviane Cavalcanti de. O uso do conceito de Identidade na Arqueologia. Clio, Série Arqueológica, v.1, n. 23, p. 170, 2008.

CAVALCANTI, Carmen Lúcia Lins. As Minas de Salitre em Campos de Buique: um caso de utilização do trabalho indígena na Capitania de Pernambuco (1698-1706). Dissertação (Mestrado, Departamento de História) - Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 1999.

FERNANDES, Tatiane. Vamos criar um sentimento? Um olhar sobre Arqueologia Pública no Brasil. 2005. 117f. Dissertação (Mestrado em Arqueologia) Museu de Arqueologia e Etnologia – MAE - USP, São Paulo, 2007.

FUNARI, Pedro. Public archaeology from a Latin American perspective. In: Public Archaeology. American Anthropological Association, Boston, 2001.

GEERTZ, Clifford. A Interpretação das culturas. Rio de Janeiro: Zahar, 2008.

GILI, María. La Historia Oral y la memoria Colectiva como Herramientas para el Registro del Pasado. In: Las sociedades de los paisajes áridos y semiáridos del centro-oeste argentino: Rio Cuarto, 2009.

HALBWACHS, Maurice. A Memória Coletiva. São Paulo: Centauro, 2006.

LE GOFF, Jacques. História e Memória. 4 ed., Campinas: Editora Unicamp, 1996.

MARCONI, Marina. LAKATOS, Eva. Técnicas de Pesquisa. 3 ed., São Paulo: Atlas, 1996.

MARTIN, Gabriela. As Pinturas Rupestres do Sítio Alcobaça, Buíque-PE, no Contexto da Tradição Agreste. Clio, Série Arqueológica, n.18, p. 18-26, 2005.

OLIVEIRA, Vítor. Arqueologia, Património e Cultura. 2 ed., Lisboa: Instituto Piaget, 2007.

OLIVEIRA, Ana. O sítio arqueológico Alcobaça: Buíque, Pernambuco. Estudo das Estruturas Arqueológicas. 2001. 186f. Tese (Doutorado em História), Programa de Pós-Graduação em História, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2001.

O SÍTIO ALCOBAÇA: Sítio Referência no Vale do Catimbau. Buíque – PE: Clio, Série Arqueológica, v. 1, n.21, p. 13-18, 2006.

POLLAK, Michael. Memória e Identidade Social. Estudos Históricos, Rio de Janeiro, v. 5, n. 10, Out/Nov. 1992.

PORTELLI, Alessandro. Tentando aprender um pouquinho: algumas reflexões sobre a ética na História Oral. In: Revista do programa de estudos pós-graduados em História e do departamento de História da PUC-SP. São Paulo, n. 22, 2001.

PROENÇA, André. Ocupações Pré-coloniais no Parque Nacional do Catimbau: Proposta Interpretativa às Paisagens Arqueológicas. 2013. 289f. (Tese de Doutorado em Geografia, Programa de Pós Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2013.

SOUSA, Bertone de Oliveira. A memória como elemento da construção de uma identidade cultural. Anais do I congresso Nacional e II Regional de História da UFG, Jataí, 2008.

TODOROV, Tzvetan. Los abusos de la memória. Barcelona: Paidós, 2000.

TUAN, Yi-Fu. Espaço e lugar: a perspectiva da experiência. 3 ed., São Paulo: Eduel, 1983.

Downloads

Publicado

2016-11-13

Como Citar

MELLO, S. A.; CASTRO, V. M. C. de. Memória, identidade e patrimônio arqueológico: um estudo sobre as lembranças dos velhos da Vila do Catimbau, Buíque-PE. Revista Arqueologia Pública, Campinas, SP, v. 10, n. 3[17], p. 37-54, 2016. DOI: 10.20396/rap.v10i3.8640928. Disponível em: https://www.periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rap/article/view/8640928. Acesso em: 31 out. 2020.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)